Dead Reckoning (Charlaine Harris)

Você acompanha a série da HBO, True Blood? Não gosta de ficar sabendo coisas do enredo antes da hora? Então é melhor não ler esse post aqui, porque ele fala do 11º livro da série escrita por Charlaine Harris, na qual é baseado o True Blood. Quem assiste sabe que algumas mudanças grandes do livro para a tv já apareceram, mas nunca se sabe o que é que eles poderão utilizar da história no papel que possa acabar com sua surpresa. Depois não diga que eu não avisei.

Charlaine Harris ganhou sustento para o resto da vida, especialmente depois que seus livros foram adaptados. Mas mesmo antes disso, ela já tinha lançado mão de um truque para fazer a história render: os eventos de cada livro acontecem de forma seguida, sem saltos temporais, e apesar da série ter aí 10 anos, Sookie mal envelheceu um. Claro que o tiro pode sair pela culatra, e render livros mais fraquinhos como o anterior Dead in the Family, mas esse não é o caso de Dead Reckoning, o mais recente publicado por Harris.

Como sempre, o título dá a dica do que será o mote da história. “Dead reckoning” em inglês é uma expressão que pode ser traduzida como “navegação estimada”, que faz uma previsão da posição atual a partir da posição anterior. Ou seja: Sookie reflete bastante sobre como está a vida dela nesse momento e como estava no passado, não só quando não estava envolvida com vampiros, mas também quando seu namoradinho era Bill, e não Eric.

Harris monta a história a partir de várias linhas, como costuma fazer desde sempre. Aqui temos uma que mostra que alguém planeja matar Sookie (só para variar), temos o regente Victor tornando a vida de todos relacionados à Sookie ainda mais insuportável, um segredo que Eric não quer de maneira alguma que Sookie fique sabendo, Pam tentando salvar sua namorada, uma carta com um presente da avó de Sookie e por último a relação de Sookie com seus parentes-fadas. Falando assim parece pouco, mas a verdade é que a sensação que dá ao ler Dead Reckoning é que Charlaine acertou a mão de novo, fazendo um llivro com bastante ação (obviamente com vários momentos de Sookie e aquele monte de marmanjo que baba por ela).

A metade final do livro, que envolve o plano de Sookie e Eric contra Victor, é realmente de tirar o fôlego – ainda mais porque é mais ou menos nesse momento que ficamos sabendo qual é o tal do segredo que o vampiro não queria que sua esposa soubesse. A verdade é que a relação dos dois já parece bastante abalada no início da história, e mais na conclusão fica dando a entender que a menina tomará novos rumos em seus relacionamentos.

A parte das fadas continua uma confusão sem pé nem cabeça, adoraria que Charlaine Harris não tivesse inventado isso. Mas ok, ela precisava de uma explicação do motivo pelo qual todo macho da história fora o irmão da moça são loucos por ela, certo? De qualquer modo, parece os momentos falando das fadas são os que mais dão vontade de pular as páginas, tive que fazer um esforço tremendo para seguir em frente.

Mas mesmo com isso (e com os momentos de melação), ainda assim Dead Reckoning é um dos melhores livros da série. Charlaine Harris continua meio perdida sobre o que fazer com uma das personagens mais legais da série (Eric Northman), mas parece que com outros ela tem acertado bastante (inclusive a própria Sookie). Somando a isso alguns bons momentos de humor, o fato é que é uma diversão garantida para quem gosta de histórias de vampiros, mais ainda para quem está gostando de acompanhar a série da HBO.

COMENTE ESSE ARTIGO NO FÓRUM MEIA PALAVRA

Advertisements

One thought on “Dead Reckoning (Charlaine Harris)

  1. Nossa Anica, concordo muito com vc! A Charlaine tá só ganhando tempo pra decidir ainda como fica a relação (muito bem-sucedida, por sinal) da Sookie com o Eric. Mas eu acho que ela lidou com mais atenção, ou melhor, tentou tratar o relacionamento da ‘garçonete fada com o vampiro poderoso’ de uma forma mais realista (do mesmo jeito que em True Blood trataram a questão da virgindade da Jessica na segunda temporada)!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s